Política de Cookies

Para poder prestar um serviço personalizado, funcional e de qualidade aos utilizadores do nosso serviço WEBINQ, o INE utiliza cookies próprios, imprescindíveis ao bom funcionamento do site.
Mais informação

INFORMAÇÕES

13-10-2021

Atenção - O INE informa que, após um período de suspensão, as entrevistas presencias de alguns inquéritos às famílias estão a ser gradualmente retomadas.
Contudo, são garantidas todas as medidas de segurança e proteção dos inquiridos e dos entrevistadores.

Perguntas Frequentes

 
 

Apresentação

O que é o WebInq?
O WebInq é um serviço disponível na Internet orientado para a recolha de informação por via eletrónica, diminuindo o esforço exigido às organizações para resposta aos questionários oficiais, e visando melhorar o relacionamento com as/os respondentes, ao criar processos que reduzam e agilizem o seu trabalho.
A resposta aos inquéritos do INE encontra-se disponível na área de acesso reservada a aderentes do WebInq, após certificação mediante código de aderente e password.
Topo do Tema
Quais os web browsers recomendados para usar o serviço WebInq?
Recomendamos o uso do browser Internet Explorer 10+ ou as versões mais recentes de outros browsers: Google Chrome, Safari, Mozilla, Opera... Topo do Tema
Como posso responder aos inquéritos do INE, I.P.?
A resposta aos inquéritos realizados pelo INE pode ser dada através de entrevista direta (presencial ou telefónica), pela Internet, por via postal, ou correio eletrónico. Contudo, o INE privilegia a resposta pela Internet utilizando formulários eletrónicos no WebInq. Topo do Tema
Como funciona a recolha eletrónica de dados?
De duas formas:
(Acessível apenas na área reservada a aderentes registados no WebInq)
  • Por preenchimento de formulário eletrónico, online.
  • Por upload (importação) de um ficheiro XML.

O ficheiro XML a enviar tem de obedecer a uma estrutura pré-definida e será validado utilizando um ficheiro de validação (XSD).

Todos os inquéritos do INE, I.P. dirigidos às Empresas estão disponíveis para resposta online. Topo do Tema
É obrigatório responder aos inquéritos do INE através do WebInq?
Depende do inquérito. No entanto, pelas funcionalidades permitidas e segurança do processo, o INE recomenda a utilização deste serviço. Topo do Tema
Como devo escolher o suporte de resposta eletrónica mais adequado ao meu caso?
Nos inquéritos dirigidos a empresas o INE dispõe de dois suportes;
  • preenchimento online dos formulários eletrónicos (disponível para todos os inquéritos)
  • e transmissão automática de dados, upload de ficheiro XML estruturado (apenas para um conjunto de inquéritos)


A opção encontra-se primordialmente condicionada às Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) de que o respondente dispõe. Topo do Tema
É seguro?
Sim. O WebInq utiliza uma ligação segura de tipo HTTPS (Secure Sockets Layer) - protocolo para transmissão de dados privados na Internet. Topo do Tema
Este serviço é gratuito?
Sim. A adesão e utilização, de qualquer área de acesso do WebInq, são absolutamente gratuitas. Topo do Tema
A resposta aos inquéritos do INE, I.P. é obrigatória?
Sim. O conhecimento de informação estatística fiável, pertinente e atual é indispensável à tomada de decisão a todos os níveis, pelo que a colaboração das unidades estatísticas, selecionadas para resposta aos inquéritos do INE, é decisiva para a sua produção e difusão. A Lei do Sistema Estatístico Nacional (Lei nº22/2008 de 13 de maio), no seu nº 1 do artigo 4º (Autoridade Estatística) e do nº 5 do artº 4º do Decreto-Lei nº 136/2012, de 2 de Julho, impõe a obrigatoriedade de resposta aos inquéritos realizados pelo INE, nos prazos que forem fixados, determinando sanções para os casos de incumprimento, normalmente do tipo: não-resposta; resposta fora dos prazos estipulados; e resposta incorreta. Topo do Tema
É garantida a confidencialidade dos dados recolhidos?
Sim.
A mesma Lei n.º 22/2008 de 13 de maio, nomeadamente o artigo 6º (Segredo Estatístico) estipula a obrigação do INE de guardar reserva absoluta em relação à informação estatística recolhida de carácter individual de pessoas singulares e coletivas. O dever de sigilo em relação às referidas informações implica que:
a) Não podem ser discriminadamente insertas em quaisquer publicações ou fornecidas a quaisquer pessoas ou entidades, nem delas pode ser passada certidão;
b) Constituem segredo profissional para todos os funcionários e agentes que delas tomem conhecimento;
c) Nenhum serviço ou autoridade pode ordenar ou autorizar o seu exame. Topo do Tema
Por que fui selecionado para responder a este (s) inquérito (s)?
A maioria dos inquéritos, realizados pelo INE, tem por base a definição de uma amostra representativa do universo a estudar.
Isto significa que apenas algumas unidades estatísticas, dentro de um determinado setor de atividade e em cada região, serão selecionadas para amostra.
Por conseguinte, cada unidade selecionada representará, na amostra, um número de outras unidades com idêntica dimensão, sendo necessária a representação de todos os escalões de dimensão.
Por exemplo, se uma unidade estatística se encontra localizada numa pequena região ou pertence a um setor de atividade com poucas unidades em atividade, a probabilidade de ser inquirida em múltiplos inquéritos aumenta. A mesma probabilidade verifica-se, na situação oposta, de se tratar duma unidade estatística de grande dimensão. Topo do Tema
O que é um Inquérito realizado por Amostragem?
É um Inquérito em que a recolha de informação incide sobre um subconjunto da população (ou universo) que se pretende estudar; esse subconjunto (amostra) tem de ser representativo da população (isto é, ter uma estrutura semelhante no que diz respeito sua distribuição geográfica, por sexo, grupos etários, nível de escolaridade, entre outros fatores possíveis). As técnicas de amostragem permitem extrapolar para a população os resultados obtidos com a inquirição da amostra e indicam a margem de erro que, em cada caso, está associada à aplicação desta metodologia. Topo do Tema
Para que devo responder aos inquéritos do INE, I.P.?
A resposta aos inquéritos realizados pelo INE é fundamental para se produzir informação estatística oficial de qualidade que sirva toda a Sociedade em geral. Cada resposta contribui para a produção de melhores estatísticas, as quais podem levar à definição de políticas mais bem-sucedidas, possibilitando uma análise pormenorizada de problemas sociais e económicos complexos. Topo do Tema
Tenho de respeitar os prazos de resposta aos inquéritos? E se ainda não tiver dados para responder?
Os prazos de resposta aos inquéritos do INE, devem ser respeitados, já que disso depende o cumprimento do disposto na legislação Nacional e Europeia, bem como a produção de estatísticas em tempo útil. No caso de ainda não dispor de dados finais para envio ao INE, poderá enviar uma primeira estimativa (ou dados provisórios), devendo alertar o INE para esse facto. Quando dispuser de dados definitivos, deverá proceder ao seu envio para o INE alertando para o facto que estes devem substituir os anteriores. Topo do Tema
 

Acesso Personalizado

Topo
Que entidades estão incluídas em "Empresas"?
Classifica-se como "Empresa" uma entidade que fornece dados para um determinado inquérito.
O INE inquire vários tipos de unidades, nomeadamente: Empresa, Estabelecimento (Unidade Local), Grupo de Empresas, Organismo sem Fim Lucrativo, Organismo da Administração Pública, Edifício, Alojamento, Família, Agregado Doméstico, Indivíduo, Veículo, Exploração Agrícola, etc.  Topo do Tema
Quais as funcionalidades disponíveis na área de acesso personalizado ao WebInq?
Para além das disponíveis na área de acesso generalizado, acresce ainda a possibilidade de:
1) Gerir a informação de contacto do aderente/respondente;
2) Gerir a informação de identificação da unidade inquirida;
3) Delegar a resposta a terceiros declarantes (Ex:contabilistas, solicitadores, despachantes e/ou transitários, etc.);
4) Verificar e controlar a situação de resposta perante o INE;
5) Aceder ao histórico de respostas enviadas ao INE por esta área;
6) Aceder a formulários eletrónicos que permitem a seleção automática das Nomenclaturas exigidas, o fornecimento de instruções de preenchimento, a validação de dados e respectivo cálculo derivado, ou a notificação de erros ou de avisos quanto a incoerências face a dados anteriormente fornecidos.
Topo do Tema
Deixei de trabalhar/prestar serviços para uma empresa, como devo proceder para desassociá-la do meu código de Aderente?
Caso seja o aderente principal da empresa pretendida, deverá enviar um mail para webinq@ine.pt, indicando as razões da desassociação, o seu código de Aderente e o NIF da empresa a desassociar, bem como os contactos do novo aderente (email e telefone). No caso de ser Aderente secundário, deverá ser o Aderente principal a proceder à anulação da associação (Aderente/inquérito(s) da empresa) na opção Aderentes secundários. Topo do Tema
Como posso aceder à área de acesso personalizado ao WebInq?
Deve inicialmente aceder à área de autenticação através da opção "Responder a Inquéritos" de seguida seleciona a opção "Não sou aderente" ou "Quero registar-me" e procede ao seu registo, enquanto respondente aos Inquéritos do INE. Receberá automaticamente, via ecrã, um código de aderente - que deve imprimir - e via correio eletrónico uma password de acesso.
Pode de imediato, na mesma opção proceder à Autenticação, e aceder a esta área identificando o seu código e respetiva password. Topo do Tema