CALENDÁRIO +Info...

Terça-Feira, 1 de Outubro de 2019

Sábado, 5 de Outubro de 2019

Segunda-Feira, 7 de Outubro de 2019

Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2019

  • IMPI 2019 - Set: Últ. dia
  • IVNE 2019 - Set: Últ. dia

Segunda-Feira, 14 de Outubro de 2019

  • ITRM 2019 - 40ª Semana: Últ. dia

Terça-Feira, 15 de Outubro de 2019

Domingo, 20 de Outubro de 2019

Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019

  • IMGA 2019 - Set: Últ. dia
  • IMLV 2019 - Set: Últ. dia
  • ITRM 2019 - 41ª Semana: Últ. dia

Sexta-Feira, 25 de Outubro de 2019

Segunda-Feira, 28 de Outubro de 2019

  • ITRM 2019 - 42ª Semana: Últ. dia

Quinta-Feira, 31 de Outubro de 2019

  • ICI 2019 - Outubro: Últ. dia

INFORMAÇÕES

10-10-2019

Seminários "Portas Abertas"

Índice de Preços no Consumidor
22 de Outubro  - 10 às 12h - Lisboa

Informação Estatística Europeia
4 de Novembro  - 10 às 12h - Lisboa   ESGOTADO

Informação Estatística Europeia
5 de Novembro - 14h30 às 16h30 - Porto  ESGOTADO

Portal de Estatísticas Oficiais
18 de Novembro  - 10 às 12h - Lisboa 

Inscreva-se aqui  
 

EM DESTAQUE

1418
O INE convida-o a estar presente nos seminários
  • <
  • 1 de 30
  • >
Imagem sobre Taxa de juro desceu para 1,065%, capital em dívida e prestação mensal fixaram-se em 53 213 euros e 247 euros, respetivamente 21-10-2019

Taxa de juro desceu para 1,065%, capital em dívida e prestação mensal fixaram-se em 53 213 euros e 247 euros, respetivamente

A taxa de juro implícita no conjunto dos contratos de crédito à habitação foi 1,065% em setembro (1,077% no mês anterior). Nos contratos celebrados nos últimos três meses, a taxa de juro desceu de 1,306% para 1,249%. No mês em análise, o capital médio em dívida aumentou 157 euros, fixando-se em 53 213 euros. A prestação média vencida manteve-se em 247 euros.

SABER +
Imagem sobre Censos com Dados Administrativos 21-10-2019

Censos com Dados Administrativos

Na comemoração do Dia Europeu da Estatística (20 de outubro), o INE divulga o progresso da linha de investigação dos Censos com base em dados administrativos após os Censos 2021. Este projeto insere-se no quadro de desenvolvimento da Infraestrutura Nacional de Dados que dá corpo à estratégia do INE de integração e criação de valor para a sociedade a partir de diferentes fontes de dados. Central ao projeto é a constituição da Base de População Residente que cobre um conjunto de características – geográficas, demográficas e socioeconómicas – da população residente em Portugal e que resulta da integração de informação administrativa proveniente de diversas fontes da Administração Pública.

Consulte este Destaque em versão HTML

STATSlab - Estatísticas em desenvolvimento

 

SABER +
Imagem sobre 3.ª Competição Europeia de Estatística - Inscrições Abertas! 21-10-2019

3.ª Competição Europeia de Estatística - Inscrições Abertas!

Começou a Competição Europeia de Estatística!
Alunos do ensino básico (3.º ciclo) e do ensino secundário de 17 países irão competir a nível nacional e, numa segunda fase, a nível europeu, na terceira edição desta competição focada na literacia estatística.

Toda a informação em esc2020.ine.pt

SABER +
Imagem sobre O Potencial de Aquecimento Global aumentou 6,9% em 2017, superando o crescimento da atividade económica 18-10-2019

O Potencial de Aquecimento Global aumentou 6,9% em 2017, superando o crescimento da atividade económica

Em 2017, os principais indicadores ambientais apresentaram acréscimos: o Potencial de Aquecimento Global (6,9%), o de Acidificação (1,4%) e o de Formação de Ozono Troposférico (1,3%), enquanto a atividade económica (medida pelo Valor Acrescentado Bruto) cresceu, em termos reais, 3,3%.
Entre 2008 e 2017, a emissão de CO2 por unidade de VAB, que integra o conjunto de indicadores de monitorização dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, decresceu 11,2% em Portugal e 21,3% na UE28. Desde 2014, Portugal tem vindo a apresentar valores de emissão de CO2 por unidade de valor acrescentado superiores aos da UE28.

SABER +
Imagem sobre Preços na produção industrial diminuíram 1,8% 17-10-2019

Preços na produção industrial diminuíram 1,8%

O Índice de Preços na Produção Industrial (IPPI) registou uma taxa de variação homóloga de -1,8% (-1,1% em agosto). Excluindo o agrupamento de Energia, esta variação foi -0,6% (-0,2% no mês anterior). A variação mensal do índice agregado foi -0,3% (0,3% no período homólogo).
No terceiro trimestre de 2019, o índice total apresentou uma variação homóloga de -1,1% (0,9% no trimestre anterior). Excluindo a Energia, o índice diminuiu 0,3% (crescimento de 0,6% no segundo trimestre).

SABER +
Imagem sobre Indicador de atividade económica aumenta ligeiramente em agosto e indicador de clima económico, disponível até setembro, diminui 17-10-2019

Indicador de atividade económica aumenta ligeiramente em agosto e indicador de clima económico, disponível até setembro, diminui

Em setembro, o indicador de confiança dos consumidores aumentou e o indicador de sentimento económico diminuiu na Área Euro (AE). No mesmo mês, os preços das matérias-primas e do petróleo apresentaram variações em cadeia de 0,7% e 7,6%, respetivamente (-2,2% e -6,9% em agosto).

Em Portugal, o indicador de atividade económica, disponível até agosto, aumentou ligeiramente e o indicador de clima económico, disponível até setembro, diminuiu. O indicador quantitativo do consumo privado desacelerou em agosto, refletindo um contributo positivo menos expressivo da componente de consumo corrente, tendo o consumo duradouro apresentado um contributo nulo. O indicador de FBCF acelerou em agosto, devido ao contributo positivo da componente de construção e ao contributo negativo menos intenso da componente de material de transporte, tendo a componente de máquinas e equipamentos apresentado um contributo negativo mais expressivo.
Em termos nominais, as exportações e importações de bens apresentaram, respetivamente, variações homólogas de -3,6% e 0,6% em agosto (0,4% e 6,3% em julho). Considerando a atividade económica da perspetiva da produção, verificou-se uma diminuição na indústria, bem como um abrandamento em termos nominais nos serviços e uma ligeira desaceleração em termos reais na construção.
De acordo com as estimativas mensais do Inquérito ao Emprego, a taxa de desemprego (15 a 74 anos), ajustada de sazonalidade, foi 6,2% em agosto (taxa inferior em 0,2 p.p. ao valor definitivo registado no mês anterior), o que compara com 6,6% e 7,0% há três meses e há um ano atrás, respetivamente. A estimativa da população empregada (15 a 74 anos), também ajustada de sazonalidade, apresentou um crescimento de 1,1% em termos homólogos (0,7% em julho) e 0,4% face ao mês anterior.
O Índice de Preços no Consumidor (IPC) apresentou uma variação homóloga de -0,1% em setembro (taxa idêntica em agosto), observando-se uma taxa de variação de -0,7% na componente de bens (variação idêntica no mês anterior) e de 0,8% na de serviços em agosto e setembro.

SABER +
Imagem sobre Volume de Negócios nos Serviços abrandou para 0,8% 14-10-2019

Volume de Negócios nos Serviços abrandou para 0,8%

O índice de volume de negócios nos serviços desacelerou 0,9 pontos percentuais (p.p.), para uma taxa de variação homóloga de 0,8% em agosto.
Os índices de emprego, de remunerações brutas e de horas trabalhadas, ajustados de efeitos de calendário, apresentaram variações homólogas de 1,6%, 5,6% e 3,3%, respetivamente (2,0%, 5,6% e 2,7%, em julho, pela mesma ordem).

SABER +
Imagem sobre Atividade turística manteve crescimento 14-10-2019

Atividade turística manteve crescimento

O setor do alojamento turístico registou 3,3 milhões de hóspedes e 9,5 milhões de dormidas em agosto de 2019, correspondendo a variações de +6,6% e +2,6%, respetivamente (+5,6% e +2,6% em julho, pela mesma ordem). As dormidas de residentes cresceram 3,2% (+3,1% em julho) e as de não residentes aumentaram 2,3% (+2,4% no mês anterior).
Em agosto de 2019, a estada média (2,88 noites) reduziu-se 3,7% (-4,4% nos residentes e -3,2% nos não residentes).
A taxa líquida de ocupação (68,3%) recuou 1,9 p.p. (-1,4 p.p. em julho).
Os proveitos totais cresceram 6,4% (+5,6% em julho), atingindo 630,1 milhões de euros. Os proveitos de aposento (502,0 milhões de euros) aumentaram 6,5% (+5,0% no mês precedente).
O rendimento médio por quarto disponível (RevPAR) situou-se em 84,4 euros, o que se traduziu num aumento de 1,5% (+0,2% no mês anterior) e o rendimento médio por quarto ocupado (ADR) também acelerou, correspondendo a 115,9 euros (+2,5%, +0,4% no mês anterior).

SABER +
Imagem sobre Taxa de variação homóloga do IPC situou-se em -0,1% 10-10-2019

Taxa de variação homóloga do IPC situou-se em -0,1%

A variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) foi -0,1% em setembro de 2019, taxa idêntica à registada no mês anterior. O indicador de inflação subjacente (índice total excluindo produtos alimentares não transformados e energéticos) registou uma variação homóloga de 0,2%, valor idêntico ao registado em agosto.
A variação mensal do IPC foi 1,1% (-0,1% no mês precedente e 1,1% em setembro de 2018). A variação média dos últimos doze meses foi de 0,5%, taxa inferior em 0,1 pontos percentuais (p.p.) à registada no mês anterior.
O Índice Harmonizado de Preços no Consumidor (IHPC) português registou uma variação homóloga de -0,3%, taxa inferior em 0,2 p.p. à do mês anterior e inferior em 1,2 p.p. à estimativa do Eurostat para a área do Euro (no mês anterior, esta diferença foi 1,1 p.p.).
O IHPC registou uma variação mensal de 1,4% (-0,1% no mês anterior e 1,5% em setembro de 2018) e uma variação média dos últimos doze meses de 0,5% (valor inferior em 0,1 p.p. ao registado em agosto).

SABER +
Imagem sobre Índice de produção na construção aumentou 2,9% 10-10-2019

Índice de produção na construção aumentou 2,9%

O Índice de Produção na Construção teve uma taxa de variação homóloga de 2,9% em agosto (3,0% no mês ante-rior). Os índices de emprego e de remunerações cresceram 2,0% e 6,0% (2,2% e 6,0% em julho), respetivamente.

SABER +
Imagem sobre As exportações e as importações diminuíram 3,8% e 4,0%, respetivamente, em termos nominais 10-10-2019

As exportações e as importações diminuíram 3,8% e 4,0%, respetivamente, em termos nominais

Em agosto de 2019, as exportações e as importações de bens registaram variações homólogas nominais de -3,8% e -4,0%, respetivamente (+1,3% e +9,5% em julho de 2019, pela mesma ordem). Destacam-se os decréscimos nas exportações e nas importações de Combustíveis e lubrificantes (-44,1% e -43,7%, respetivamente), nomeadamente nas exportações de Produtos transformados e nas importações de Produtos primários.
Excluindo os Combustíveis e lubrificantes, as exportações aumentaram 0,6% e as importações cresceram 4,4% (+3,0% e +9,7%, respetivamente, em julho de 2019).
O défice da balança comercial de bens registou uma diminuição de 78 milhões de euros face ao mês homólogo de 2018, atingindo 1 638 milhões de euros em agosto de 2019. Excluindo os Combustíveis e lubrificantes, a balança comercial atingiu um saldo negativo de 1 288 milhões de euros, registando um aumento do défice de 190 milhões de euros em relação a agosto de 2018.
No trimestre terminado em agosto de 2019, as exportações de bens diminuíram 3,6% e as importações aumentaram 0,6% face ao trimestre terminado em agosto de 2018 (+0,4% e +6,3%, pela mesma ordem, no trimestre terminado em julho de 2019).

SABER +
Imagem sobre Volume de Negócios na Indústria diminuiu 5,5% 09-10-2019

Volume de Negócios na Indústria diminuiu 5,5%

O Índice de Volume de Negócios na Indústria apresentou uma variação homóloga e nominal de -5,5% em agosto (0,6% no mês precedente). O índice do mercado nacional passou de um aumento de 1,8% em julho para uma redução de 4,3% em agosto, enquanto o do mercado externo diminuiu 7,6% (variação de -1,2% no mês anterior).
Os índices de emprego, de remunerações e de horas trabalhadas registaram variações homólogas de 0,6%, 3,8% e 3,4% (variações de 0,5%, 4,1% e 1,4% em julho, pela mesma ordem).

SABER +
Imagem sobre Custos de construção com variação homóloga de 1,9% 07-10-2019

Custos de construção com variação homóloga de 1,9%

Em agosto, estima-se que os custos de construção de habitação nova tenham aumentado 1,9%, menos 0,3 pontos percentuais (p.p.) que o observado no mês anterior. O preço dos materiais e o custo da mão de obra apresentaram, respetivamente, variações de 0,5% e de 4,0% face ao período homólogo.

 

SABER +
Imagem sobre Impostos com relevância ambiental em 2018 representaram 7,4% do total das receitas de impostos e contribuições sociais 07-10-2019

Impostos com relevância ambiental em 2018 representaram 7,4% do total das receitas de impostos e contribuições sociais

Em 2018, o valor dos impostos com relevância ambiental ascendeu a cerca de 5,3 mil milhões de euros, correspondendo a 7,4% do total das receitas de impostos e contribuições sociais coletado (7,6% em 2017). Aquele valor representou um aumento de 4,3% face a 2017, o que compara com a variação de 6,4% observada para o total da receita de impostos e contribuições sociais.
De acordo com a informação disponível para 2017, o peso destes impostos no total da receita fiscal incluindo contribuições sociais foi superior em Portugal (7,6%), comparativamente com a média da União Europeia (6,1%).

SABER +
Imagem sobre Entre os municípios mais populosos, Braga, Setúbal, Matosinhos e Porto registaram os maiores aumentos das rendas correspondentes a novos contratos 03-10-2019

Entre os municípios mais populosos, Braga, Setúbal, Matosinhos e Porto registaram os maiores aumentos das rendas correspondentes a novos contratos

No 1º semestre de 2019, o valor mediano das rendas de alojamentos familiares estabelecidas em novos contratos de arrendamento no país fixou-se em 5,00 €/m2, registando uma taxa de variação homóloga de +9,2%. O número de novos contratos registou um decréscimo de -10,5%.
No período em análise, 37 municípios, localizados maioritariamente na Área Metropolitana de Lisboa e no Algarve, apresentaram um valor mediano superior ao referencial nacional. Lisboa apresentou o valor da renda mais elevado do país (11,71 €/m2), e com valores iguais ou superiores a 7 €/m2 destacavam-se também Cascais (10,23 €/m2), Oeiras (9,75 €/ m2), Porto (8,33 €/m2), Amadora (7,69 €/m2), Odivelas (7,33 €/m2), Almada (7,32 €/m2) e Matosinhos (7,25 €/m2), mais dois municípios que os assinalados no semestre anterior.
Os municípios de Braga (+16,4%), Setúbal (+16,3%), Matosinhos (+16,0%) e Porto (+15,5%) destacaram-se, entre os municípios com mais de cem mil habitantes, por apresentarem as mais elevadas taxas de variação homólogas.
Em Lisboa, as freguesias Santo António e Misericórdia registaram os valores medianos de rendas da habitação mais elevados e Carnide e Avenidas Novas as maiores taxas de variação homóloga. No Porto, a União das freguesias de Aldoar, Foz do Douro e Nevogilde assinalou o valor mais elevado de novos contratos de arrendamento (9,62 €/m2) e a maior taxa de variação homóloga (+25,3%).

SABER +
Imagem sobre Vendas no Comércio a Retalho aumentam 5,1% 30-09-2019

Vendas no Comércio a Retalho aumentam 5,1%

O Índice de Volume de Negócios no Comércio a Retalho manteve uma variação homóloga de 5,1% em agosto, igual à observada no mês de julho. Os índices de emprego, de remunerações e de horas trabalhadas, apresentaram taxas de variação homóloga de 2,6%, 2,9% e 0,8%, respetivamente (2,4%, 5,6% e 3,2% em julho, pela mesma ordem).

SABER +
Imagem sobre Índice de Produção Industrial registou uma variação homóloga de -4,8% 30-09-2019

Índice de Produção Industrial registou uma variação homóloga de -4,8%

O índice de produção industrial apresentou, em agosto, uma variação homóloga de -4,8% (-2,4% em julho). A taxa de variação da secção das Indústrias Transformadoras situou-se em -1,7% (-0,4% no mês anterior).

SABER +
Imagem sobre Taxa de variação homóloga do IPC situou-se em -0,1% 30-09-2019

Taxa de variação homóloga do IPC situou-se em -0,1%


Tendo por base a informação apurada até à data do presente destaque, a taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) terá sido -0,1% em setembro de 2019 (taxa idêntica à registada em agosto). O indicador de inflação subjacente (índice total excluindo produtos alimentares não transformados e energéticos) situou-se em 0,2% (valor idêntico ao do mês anterior). A taxa de variação homóloga do índice relativo aos produtos energéticos terá diminuído para -3,9% (em agosto, esta taxa foi -3,5%).
A variação mensal do IPC terá sido 1,1% (em agosto, o valor apurado foi -0,1% e em setembro de 2018 tinha sido
1,1%), estimando-se uma variação média nos últimos doze meses de 0,5%, taxa inferior em 0,1 ponto percentual (p.p.) ao registado no mês precedente.
O Índice Harmonizado de Preços no Consumidor (IHPC) português terá registado uma variação homóloga de -0,3%
(-0,1% em agosto).
Os dados definitivos referentes ao IPC do mês de setembro serão publicados no próximo dia 10 de outubro.

SABER +
Imagem sobre A taxa de desemprego de julho situou-se em 6,4% e a estimativa provisória de agosto em 6,2% 27-09-2019

A taxa de desemprego de julho situou-se em 6,4% e a estimativa provisória de agosto em 6,2%

Em julho de 2019, a taxa de desemprego situou-se em 6,4%, valor inferior em 0,1 pontos percentuais (p.p.) ao do mês anterior, em 0,2 p.p. ao de três meses antes e em 0,4 p.p. ao do mesmo mês de 2018. Aquele valor representa uma revisão em baixa de 0,1 p.p. da estimativa provisória divulgada há um mês.
Comparando com o mês precedente, a população desempregada diminuiu 5,0 mil pessoas (1,5%) e a população empregada aumentou 11,4 mil pessoas (0,2%).
A estimativa provisória da taxa de desemprego de agosto de 2019 é 6,2%, valor inferior em 0,2 p.p. ao do mês anterior.

SABER +
Imagem sobre Avaliação bancária subiu para 1 288 euros por metro quadrado 27-09-2019

Avaliação bancária subiu para 1 288 euros por metro quadrado

O valor médio de avaliação bancária foi 1 288 euros em agosto, mais 5 euros que o observado no mês precedente. Este valor representa um aumento de 0,4% relativamente a julho e de 7,7% face ao mesmo mês do ano anterior.

SABER +
Imagem sobre Boletim Mensal de Estatística - Setembro de 2019 22-10-2019

Boletim Mensal de Estatística - Setembro de 2019

O Boletim Mensal de Estatística contém os principais dados estatísticos mensais e trimestrais organizados nos seguintes capítulos: Contas Nacionais Trimestrais; População e Condições Sociais; Agricultura, Produção Animal e Pesca; Indústria e Construção; Comércio Interno e Internacional; Serviços; Finanças e Empresas; Comparações Internacionais.

SABER +
Imagem sobre Boletim Mensal da Agricultura e Pescas - Outubro de 2019 21-10-2019

Boletim Mensal da Agricultura e Pescas - Outubro de 2019

O Boletim Mensal da Agricultura e Pescas divulga um conjunto de informação conjuntural relativa ao sector primário. A estrutura desta publicação proporciona, através de dados, gráficos e tabela disponibilizados, uma oportunidade de acompanhar estas temáticas e analisar a evolução através das séries cronológicas apresentadas. A análise qualitativa é acompanhada por alguns elementos gráficos.

Nota: Até Fevereiro de 2009 editado com o título:Boletim mensal da agricultura e pescas e agro-indústria

SABER +
Imagem sobre Atividade económica - 2018 18-10-2019

Atividade económica - 2018

Brochura com informação estatística de síntese que permite a caracterização da atividade económica de Portugal, abrangendo entre outros, temas como: Contas Nacionais; Empresas; Agricultura e Pescas; Indústria e Energia; Construção e Habitação; Turismo; Transportes e Comércio Internacional.

 

Está disponível a edição interativa

SABER +
Imagem sobre REVSTAT - Statistical Journal 31-01-2019

REVSTAT - Statistical Journal

REVSTAT - Statistical Journal (Vol.17 Number 4 - October 2019)

Publicação de artigos de relevante conteúdo científico, abrangendo todos os ramos da Probabilidade e da Estatística, e que oferece um contributo efetivo para o esclarecimento e a divulgação de métodos estatísticos inovadores fundamentados em problemas reais.  Edição em língua inglesa.

SABER +
Imagem sobre Boletim Mensal da Agricultura e Pescas - Setembro de 2019 20-09-2019

Boletim Mensal da Agricultura e Pescas - Setembro de 2019

O Boletim Mensal da Agricultura e Pescas divulga um conjunto de informação conjuntural relativa ao sector primário. A estrutura desta publicação proporciona, através de dados, gráficos e tabela disponibilizados, uma oportunidade de acompanhar estas temáticas e analisar a evolução através das séries cronológicas apresentadas. A análise qualitativa é acompanhada por alguns elementos gráficos.

Nota: Até Fevereiro de 2009 editado com o título:Boletim mensal da agricultura e pescas e agro-indústria

SABER +
Imagem sobre Boletim Mensal de Estatística - Agosto de 2019 19-09-2019

Boletim Mensal de Estatística - Agosto de 2019

O Boletim Mensal de Estatística contém os principais dados estatísticos mensais e trimestrais organizados nos seguintes capítulos: Contas Nacionais Trimestrais; População e Condições Sociais; Agricultura, Produção Animal e Pesca; Indústria e Construção; Comércio Interno e Internacional; Serviços; Finanças e Empresas; Comparações Internacionais.

SABER +
Imagem sobre Boletim Mensal da Agricultura e Pescas - Agosto de 2019 22-08-2019

Boletim Mensal da Agricultura e Pescas - Agosto de 2019

O Boletim Mensal da Agricultura e Pescas divulga um conjunto de informação conjuntural relativa ao sector primário. A estrutura desta publicação proporciona, através de dados, gráficos e tabela disponibilizados, uma oportunidade de acompanhar estas temáticas e analisar a evolução através das séries cronológicas apresentadas. A análise qualitativa é acompanhada por alguns elementos gráficos.

Nota: Até Fevereiro de 2009 editado com o título:Boletim mensal da agricultura e pescas e agro-indústria

SABER +
Imagem sobre Portugal em números - 2018 19-08-2019

Portugal em números - 2018

Publicação bilingue (português e inglês) contendo informação estatística de síntese sobre Portugal organizada em quatro áreas: o território, as pessoas, a atividade económica e o estado.

SABER +
Imagem sobre Boletim Mensal de Estatística - Julho de 2019 19-08-2019

Boletim Mensal de Estatística - Julho de 2019

O Boletim Mensal de Estatística contém os principais dados estatísticos mensais e trimestrais organizados nos seguintes capítulos: Contas Nacionais Trimestrais; População e Condições Sociais; Agricultura, Produção Animal e Pesca; Indústria e Construção; Comércio Interno e Internacional; Serviços; Finanças e Empresas; Comparações Internacionais.

SABER +
Imagem sobre Estatísticas do Turismo - 2018 02-08-2019

Estatísticas do Turismo - 2018

A publicação Estatísticas de Turismo de 2018 apresenta informação de enquadramento e contexto económico internacional e nacional, com base em informação de fontes diversas, designadamente a Organização Mundial de Turismo, Eurostat, Fundo Monetário Internacional, Banco de Portugal e Segurança Social, incluindo ainda resultados apurados sobre movimento de cruzeiros marítimos e chegadas de turistas a Portugal.

Os principais resultados centram-se na oferta de alojamento turístico e ocupação - relativamente aos estabelecimentos de alojamento turístico com detalhe sobre os três segmentos: Hotelaria, Alojamento local e Turismo no espaço rural/de habitação, bem como resultados sobre campismo e colónias de férias/pousadas de juventude;
e na procura turística dos residentes - com resultados detalhados sobre turistas (residentes) bem como a caracterização das suas viagens em várias vertentes, incluindo excursionismo.

SABER +
#